Os 12 melhores destinos de Verão para viajar com crianças

Quando os dias começam a aquecer só temos vontade de uma coisa: encontrar os melhors destinos de verão e organizar A viagem do ano!

Queremos encontrar o sítio ideal para aproveitar cada dia de sol para explorar, aprender e descansar!

Mas o mundo é imenso. E no sonho de partir à descoberta nem sempre é fácil escolher o destino para essa tão esperada viagem em família, certo?

Deixo-vos aqui 12 sugestões de destinos que visitamos e que são viagens ideais durante a época de Verão. Mais precisamente de fins de Maio a fins de Setembro.   

1. Islândia

Um dos países mais incríveis que alguma vez visitamos, a Islandia apresenta uma beleza única e cativante.

Mil cascatas, campos de lava a perder de vista, praias de areia preta, formações rochosas incríveis, lagoas naturais de água quente, vulcões e baleias. Este país é um terreno de jogo e de aprendizagens gigante, para miúdos e graúdos.

Apesar de no verão já não se verem auroras boreais temos a oportunidade de viver a experiência incrível do sol de meia-noite.

E essa é a grande vantagem de visitar a Islândia no Verão! Os dias são longos com luminosidade quase constante e as temperaturas muito mais brandas que no inverno.

Estas são as condições perfeitas para aproveitar a época dos papagaios-do-mar (puffins) e os campos de lupinas.

♠ Dica:
  • roadtrip é sem dúvida a melhor forma de visitar a Islândia.
  • Apesar dos pontos de interesse se multiplicarem por todo o país, em caso de tempo limitado, o Sudeste é sem dúvida uma opima escolha.    

2. Grécia

É um clássico, mas há boas razões para isso!

Enquanto em Atenas as temperaturas sobem para além do suportável, as ilhas gregas, principalmente as Ciclades e as Dodecanésias, apresentam temperatura mais amenas graças aos ventos dominantes e à relação estreita com o mar Egeu.

Praias de areia fina, peixe fresco e música tradicional são só algumas das atrações destas ilhas de beleza incontestável.

No fim de Agosto têm lugar muitos dos festivais religiosos tradicionais. Muitos mosteiros abrem as portas à população da ilha e a quem com ela quiser partilhar momentos alegres com música e danças tradicionais e acompanhados por pratos típicos. É uma ótima forma de viver experiências autênticas sem adicionar despesas para vistas guiadas e atividades organizadas.     

♠ Dica:
  • Santorini e Mykonos merecem uma visita, mas pode ser curtinha. São sem dúvida as ilhas que concentram mais gente durante o verão.
  • Ilhas mais pequenas como Ios, Milos e Amorgos são de acesso mais difícil, mas muito mais tranquilas.

3. Portugal

Pais pequenino, mas tão rico em paisagens e experiências diferentes. Não podia faltar a esta lista.

O Verão é uma ótima estação para visitar o país de norte a sul. E claro, dar um pulinho às ilhas dos Açores e da Madeira!

No Norte as temperaturas são mais amenas e perfeitas para visitar o parque Peneda – Gerês por exemplo. E na zona do Douro as vinhas estão nu auge da sua beleza. Mesmo antes das vindimas.

O Porto e Aveiro ganham novas cores com os dias de sol. Assim como toda a zona Centro.

Quem visita Lisboa no fim da primavera é presenteado com um manto purpura dos Jacarandás em flor. Espetáculo efémero que confere à capital um ambiente único.

E quem vai a Lisboa tem de ir às Praias da Costa da Caparica e mergulhar nas águas azuis-turquesa do Parque da Arrábida. Na verdade, toda a costa alentejana até à Costa Vicentina é imperdível. Praias de sonho, vilas e aldeias lindas com pessoas que nos recebem sempre de sorriso aberto.

♠ Dica:
  • apesar de adorarmos o Algarve não há como negar que os portugueses rumam ao sul no mês de Agosto. Para evitar multidões na zona das praias a Serra de Monchique é uma excelente opção!

E não esqueçamos as ilhas! 

Os Açores, ilhas tipicamente mais húmidas e chuvosas no inverno, ganham vida nova durante o verão.

A Madeira, de temperaturas amenas durante todo o ano, além de paisagens incríveis e de uma profunda beleza tropical, são uma agradável escapadela às temperaturas mais elevadas do verão.

4. Escócia

Viagem de sonho de muita gente (nos incluídos claro está) a Escócia faz parte do nosso imaginário, com dragões e monstros marinhos e lendas fantásticas.

Os miúdos adoram! E os mais crescidos também.

Com cidades lindas como Edimburgo, infinitos castelos e de uma beleza natural incontestável, a Escócia espicaça a imaginação.

Deixar os mais novos correr livremente, molhar os pés num ribeiro, brincar num castelo ou ir em busca do monstro do Lago Ness proporciona-lhes momentos intensos de alegria e memorias para a vida.

♠ Dica:
  • atravessar a Escócia de um lado ao outro e ir até à Ilha de Sky é uma experiência inesquecível.
  • voar para Aberdeen pode sair bem mais em conta do que voar direito à capital!

5. Estados Unidos

Verão rima com roadtrip, certo?

O vasto território americano, rico em diversidade natural, arquitetónica e cultural oferece múltiplas possibilidades.

Desde a mítica “Costa a costa” pela nacional 66 para uma aventura prolongada. A California de Norte a Sul passando por Palm Springs ou o lago Taohe. Explorar o estado de Nova Iorque e descobrir as belezas naturais ao redor de uma das cidades mais agitadas do mundo. Ou ir à descobertas das obras de Frank Loyd Wright.

Facilmente se encontram percursos adaptados a todos os gostos e orçamentos, mais longos ou para férias mais limitadas no tempo.  

♠ Dica:
  • num território tão vasto é importante definir o tipo de viagem que preferem fazer. Mais natureza, mais praia, mais cidade, ou um bocadinho de tudo?
  • As distâncias são grandes e a costa é limitada em comparação ao interior do país. É importante definir objetivos quando se tem datas bem definidas.      

6. Bali

Dos destinos mais acolhedores que alguma vez visitamos, Bali tem um clima tropical bem marcado.

Durante o verão europeu esta ilha da Indonésia encontra-se em plena época seca, ideal para explorar todos os recantos desde os infinitos templos às plantações de arroz às praias paradisíacas.

Bali é mesmo muito kids-friendly. As pessoas são super simpáticas e disponíveis para ajudar, existe uma grande escolha de hotéis muito bem equipados para famílias e a comida é deliciosa.  

Com uma cultura rica e profunda e uma felicidade que paira no ar é o sítio ideal para sensibilizar os miúdos para a diversidade e a tolerância.

♠ Dica:
  • o meio de transporte mais utilizado na ilha são as motas e as scooters.
  • Se como nós preferem ou precisam se deslocar de carro informem-se no hotel sobre a possibilidade de vos arranjarem um motorista.
  • Se nunca conduziram em sítios onde o transito é caótico tipo Marrocos por exemplo, e é a vossa primeira visita a Bali, não aconselhamos alugarem carro.      

 

7. França

O verão é a estação perfeita para visitar o sul de França.

Apesar de zonas como a Bretanha e a Normandia serem ainda mais agradáveis nesta altura do ano, o sul oferece um espetáculo que deve ser apreciado pelo menos uma vez na vida: os campos de lavanda em flor em Provence.

E para os adeptos de roadtrips aqui ficam duas sugestões:

A RN7, a estrada nacional que liga Paris a Menton e a Route Napoleon que liga o Golfe – Juan, onde desembarcou Napoleão, a Grenoble.

Dois percursos lindíssimos que passam por zonas ricas em História e beleza natural que proporcionam uma viagem com um bocadinho de tudo: praia, cidade, campo, gastronomia típica e muito mais.

Tudo o que é preciso para agradar a toda a família, a todas as idades.

♠ Dica:
  • se o objetivo forem os campos de lavanda apontem para a primeira quinzena de Julho.
  • Se já conhecem o Sul não vão querer perder os Parques Naturais de Landes e de Médoc.   

8. Itália

Um daqueles países que apetece visitar em qualquer altura do ano, certo?

Nós aduramos a Itália e tem sido o nosso “backup plan” muitas vezes ao longo destes anos de viagens.   

Com comida deliciosa, praias lindas, um interior de uma serenidade infinda e gente simpática, Itália tinha de estar nesta lista.

É um país cujos principais pontos de interesse de uma região são facilmente acessíveis de carro ou comboio. As distâncias são relativamente curtas e as paisagens por si só facilmente justificariam uma visita. Perdemos a conta às roadtrips que fizemos em Itália. Cada uma melhor do que a outra!

Por esta razão é um destino para quem gosta de diversidade: cultura, arquitetura, gastronomia, praia, cidade, campo. Tudo esta perto e acessível, o que é sem dúvida uma grande vantagem quando se viaja em família. 

♠ Dica:
  • Itália, tal como a Grécia, é um destino que atrai muita gente no verão. Principalmente em Agosto. Se não vos for possível evitar este mês é mesmo necessário marcar tudo o mais cedo possível.
  • Considerem todas as hipóteses incluindo aeroportos fora da zona que querem visitar. Para terem uma ideia de Roma a Nápoles são 2:30h de carro e existem muito mais voos para a capital, por exemplo. Pode ajudar a encontrarem voos mais acessíveis.

9. Noruega

Oslo em particular, tem dos melhores espaços públicos exteriores de todas as cidades que já visitamos.

As temperaturas do Norte fazem com que, pelo menos para quem vem mais do Sul, o verão seja mais propicio a desfrutar destes espaços de forma plena e descontraída. E a aproveitar tudo o que esta cidade tem para oferecer.

Mas as verdadeiras estrelas da Noruega são talvez os Fiordes.

Acessíveis de comboio, ferry, cruzeiro ou carro, os Fiordes são completa e facilmente acessíveis no verão. O que nem sempre acontece durante os meses de inverno. Fazendo destas paisagens únicas o cenário perfeito para uma roadtrip entre Maio e Setembro.

♠ Dica:
  • a Noruega tem 18 percursos turísticos especialmente desenhados para roadtrips, uma das melhores formas de visitar o país.
  • 10 desses percursos estão situados na zona Oeste, nos Fiordes, e são um ótimo ponto de partida para organizarem uma primeira visita a esta maravilha da Natureza. 

10. Malta

Se ainda não conhecem este país arquipélago em pleno Mediterrâneo deviam considerar seriamente uma visita.

Desde 2018, ano em que Valetta foi Capital Europeia da Cultura, que Malta se tem imposto como destino cultural e de lazer.  

Composto por três ilhas principais – Malta, Comino e Gozo – é um país ainda por descobrir, fora do radar de muitos turistas menos atentos à beleza e riqueza cultural deste destino mediterrânico.

Malta é também bastante acessível uma vez que o aeroporto da capital Valletta é servido pelas principais companhias nacionais e low cost da Europa. Mais uma grande vantagem em termos de preços e duração de voo.

Gozo:

  • Gozo é acessível de ferry mas para explorarmos esta ilha é absolutamente necessário ter carro.
  • O aluguer de carros é muito mais acessível em Malta e compensa muito passar de uma ilha para a outra por ferry já com carro.

Comino

  • Comino por outro lado só é acessível de barco.
  • Não existe circulação automóvel na ilha.
  • Se quiserem fugir ao ambiente extremamente turístico da Lagoa Azul preparem-se para fazer uma boa caminhada até ao lado oposto da ilha. 

 

11. Luxemburgo

Este país que tantas vezes passa despercebido e raras vezes entra nas listas dos vários “tops” é na realidade uma caixinha de surpresas!

Tendo o seu próprio aeroporto para um acesso mais direto, a sua situação geográfica torna o Luxemburgo também facilmente acessível de carro a partir de França, Alemanha e Bélgica. 

Situado no centro da Europa o Luxemburgo é rico em História, Arte e Arquitetura.

Mas a verdadeira surpresa é talvez a riqueza e diversidade natural que este território apresenta.

Com a rede de percursos de caminhada mais denso e bem mantido da Europa, o Luxemburgo oferece inúmeras atividades para os amantes de exteriores e de natureza, adaptadas a qualquer idade.

E cereja no topo do bolo: o Luxemburgo conta com múltiplos jardins impecavelmente adaptados a famílias, com parques infantis espetaculares e atividades especialmente pensadas para os mais novos.

♠ Dica:
  • uma semana no Luxemburgo não é demasiado tempo se o objetivo for fazer algumas caminhadas.
  • Aconselhamos pelo menos dois dias na Cidade do Luxemburgo para poderem apreciar as diversas vertentes da capital, incluindo muito bons museus.   

12. Polinésia Francesa

Tido para muitos como o destino ideal para lua de mel, a Polinésia é muito mais do que os resorts de Bora Bora. É um destino fantástico para famílias, onde os mais pequenos são muito bem recebidos e incluídos nas várias atividades disponíveis.

Estas ilhas paradisíacas difíceis de alcançar, não só por razões de orçamento, mas também pela sua posição geográfica, merecem toda a fama que as rodeia, e muito mais.  

A simpatia do povo rapidamente nos faz esquecer as 24 horas de voo necessárias para as alcançar desde a Europa. As paisagens de sonho, a riqueza da fauna marinha e sobretudo a paz que reina no ar são o contexto ideal para deixar as crianças explorarem livremente.

No verão europeu a Polinésia esta no inverno. As temperaturas baixam ligeiramente, mas a chuva tropical é mais escassa e tem períodos mais definidos ao longo do dia. Condições propicias para explorar as ilhas fazendo caminhadas nas montanhas, ou alugando um barco na lagoa. 

Fins de Julho e o mês de Agosto são também a altura do ano em que as baleias chegam à zona da Polinésia permitindo ver golfinhos, raias, tartarugas e baleias numa mesma saída de barco!

♠ Dica:
  • Tahiti é muito mais bonito do que a maioria das pessoas pensam. Vale a pena prever uns dias de visita.
  • Apesar de Bora Bora estar bem marcada no nosso imaginário, ficar em Moorea por exemplo justifica grandemente uma viagem à Polinésia. 
  • A forma mais económica de visitar a Polinésia Francesa é sem dúvida a utilização de pontos e milhas, principalmente para famílias.

Podem encontrar mais informações sobre este tópico aqui!  

mother with three children walking among palm trees in Moreea in French Polynesia

Já encontraram o próximo destino de verão para a vossa família?

Pela nossa experiência, todos esses destinos de verão farão uma viagem em família perfeita, cheia de alegria e boas memorias.

Não deixe de explorar mais sobre cada um desses destinos em nossos guias gratuitos.

Nas próximas semanas vou partilhar dicas, roteiros e muito mais sobre esses 12 destinos. Espero que vos ajude a planear e organizar a vossa viagem em família.

Enquanto isso, podem deixar todas as vossas perguntas na seção de comentários. Ou visitar nosso perfil no Instagram, onde também vamos deixando muitas informações.

Boas viagens em família!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close
Ultimo Artigo
Close

THE WANDERERS TRIBE

por Le Voyage de Zoé. Uma familia de 5 a explorar o mundo !

Le Voyage de Zoe
© Copyright 2024. All rights reserved.
Close